sábado, 26 de julio de 2008

BATALLA DE FLORES

FERIA DE JULIO DE VALENCIA




BATALHA DE FLORES

Com a chegada do calor a cidade ia ficando deserta e os comerciantes expressavam certa inquietude. Foi então que um grupo de vereadores, vinculados ao comercio, pensaram em criar uns festejos que, de algum modo, servissem para reter aos cidadãos na cidade nos dias calorosos do estio, e ainda servir para atrair aos forasteiros.




BATALLA DE FLORES

Para animar la capital y atraer a los forasteros, el Ayuntamiento propuso celebrar una feria anual y una exposición de toda clase de productos. El 21 de julio de 1871 se inauguró la primera Feria de Julio con una vistosa cabalgata, pabellones, exposiciones de plantas y venta de productos en general. En 1891 quedó establecida la Batalla de Flores que se desarrolla en el último domingo de julio en la Alameda sobre las 20h. Se celebran también importantes certámenes de bandas de música, festejos taurinos, conciertos de música y muchas otras actividades.




Este acto nació en 1871 y consiste en un desfile de carrozas y calesas, todas muy bien decoradas con flores de todas las clases y que optan así al premio a la mejor carroza. Sobre las 20.00, al sonar una carcaza, empieza la verdadera Batalla de Flores: desde las carrozas se lanzan flores al público y éste las devuelve desde ambos lados del Paseo de la Alameda. La ‘guerra’ dura una hora en la que se lanzan miles de ‘clavelones’. Para poder coger un buen sitio entre el público, existen unos 250 palcos: zonas reservadas para unas 6 personas desde donde lanzar flores y ver bien el desfile, que se pueden alquilar previamente.




Este año se cortarán más de un millón de clavelones. Unos colocados en cestas, que se situarán en los palcos de la Alameda, otros, como "munición" junto al palco de autoridades, para que los concejales e invitados puedan participar en la batalla floral contra las tripulantes de las carrozas y calesas.




Participaran 28 carrozas, divididas en varias categorías y realizadas por los artesanos especialistas Toni Sánchez, Azpeitia, He PE Ma, Carrozas Roda, José Bartolomé Navarro, Enrique Burriel. J. Carrero, Vicente Demets, Afduva, Jordi Palanca, Casti-Llosá, Artes Plásticas Guaita y Carrozas Sánchez.




En las carrozas van las Falleras Mayores de Valencia, sus cortes de Honor, las niñas seleccionadas para estar con la Corte de Honor, representantes de las fiestas de Alicante y su corte de Honor, así como las de Castellón, miembros de comisiones falleras, casas regionales… que suelen ir vestidos con los respectivos trajes regionales o, si la carroza es menos ‘oficial’, disfrazadas de la temática de la misma. Eso sí, ¡todas llevan raquetas!. Por extraño que parezca, tienen que despejar las flores que les lanza el público.



Para finalizar, algo típico en todas las fiestas de Valencia: una mascletá disparada desde el cauce del río Turia.

Estou convidado à Batalha de Flores, então com pétalas de rosas e hoje com cravos da índia, ou turcos, aqui, clavelones, até nisto a vida evoluciona, mesmo assim, esta batalha incruenta, continua sendo o grande atractivo e o broche de ouro a esta Ferira de Julho.
Prometo trazer-vos uma boa reportagem.

Batalla de Flores
27 de Julio de 2008
20 horas
Paseo de la Alameda
Valencia

67 comentarios:

São dijo...

Adorei!
Por favor, este espaço é comum a Duarte e Juani?!
É que eu ando meio perdida...
Um domingo bem passado.

JESUS y ENCARNA dijo...

Ojalá todas las guerras fueran así!!!
Un abrazo a los dos
Encarna

Vieira Calado dijo...

Deve ser digno de se ver.
Olhe, eu agora me lembro melhor da minha estada em Espanha, em 1973.
Como não podia vir a Portugal, escolhi o sol do sul de Espanha. Estive de facto na praia de S. Juan, mas mais tempo em Albufereta.
E estive em Alicante onde provei os famosos torrones. Andei por aí e até bebi copos com a guardia civil,
no bar dum parque de campismo, onde estive!
Passei três meses (as férias escolares) inesquecíveis.

Um forte abraço.

Tinta Azul dijo...

Se todas as batalhas fossem de flores...
Mais uma vez obrigada por nos dares a conhecer tantas coisas interessantes.
Bjs com flores

Juani lopes dijo...

Espero que te lo pasaras muy bien, ojala el año que viene pueda ir contigo

Duarte dijo...

são,
Amigos de Portugal es una Associação, Juani e eu somos membros.
O blog está dirigido por mim, como Presidente, Juani é uma colaboradora, assim como todos os componentes. Ela uma participante mais activa, ademais uma grande amiga.
Que tenhas uma boa semana.
Abraços

Duarte dijo...

jesus y encarna,
que bueno que así fuera. Mismo así, las Srtas., llevan raquetas para protegerse, pues alguno es un poco bruto...
Abrazos

Duarte dijo...

vieira calado,
é um grande espectáculo!
Estou a preparar a reportagem que fiz para que possas apreciar o evento em toda a sua magnitude.
¡Buenos recuerdos por lo que veo!
Respondo no teu blog.
Abraços

Duarte dijo...

tinta azul,
Que bom que seria, concordo contigo.
Brevemente, quando repasse as mais de duzentas fotografias que fiz este ano na "Batalla", poderás apreciar a magnitude da festa.
Um grande ramo de flores e beijos...

Duarte dijo...

Juani,
en el bolsillo de Vicente se quedó tu invitación por utilizar.
¡¡¡Ha estado espectacular...!!!
¡¡¡Lo pasé bomba!!!
Terminé afónico ¿te lo imaginas?
Cuando tenga las fotos las colocaré en una entrada para tal fin: hice más de doscientas.

Un gran abrazo

poetaeusou . . . dijo...

*
batalha de flores,
só para homens . . .
porque com uma mulher,
nem com balas
em botão de rosa . . .
,
saudações
,
*

mdsol dijo...

duarte:
Vou repetir-me. Os teus "relatos" são sempre interessantes, didácticos e estimulantes. Assim, como quem conta algo de que gosta para que outros gostem também!. E depois, a ideia de uma festa de flores, mesmo que acabe em batalha é sempre uma ideia...florida!
SALUDITOOOOOOOOSSSSSSS
:)

Duarte dijo...

poetaeusou,
esta batalha está feita para que a mulher possa expandir, e expressar, toda a sua beleza, como verás quando possa expor a reportagem que fiz.

Abraços

Bandys dijo...

Muito interessante!
Festa das flores sempre é bem vinda.
Aqui sempre me informo.

Duarte dijo...

mdsol,
com amigas como tu, sinto-me feliz. Se gostaste como o expressas, só posso agregar que estás convidada para ver este evento ao vivo, até te desaparecerão certos maus sintomas negativos!
Só com ver a cara dos opoentes e os gestos, é suficiente...

Beijos floridos

Duarte dijo...

bandys,
é um grande prazer verte por aqui. Fico contente ao saber que é do teu agrado.

Beijinhos

mariam dijo...

excelente reportagem! o texto, as fotos...
já preparada para os ditos alvos sonhos... afinal ainda dei aqui um "pulinho"... e olhe, ainda bem, minha mãe tem a varanda cheia desses cravos amarelos e laranjas...(que engraçado, cá o nome comum é "cravos espanhois")sorri a imaginar minha mãe lançando-os contra uns vizinhos novos que armam grandes farras no quintal e incomodam toda a gente! rsrsrsrs

quanto ao branco, hoje preciso mesmo... para aliviar meu cansaço, só isso... porque de resto, adoro o colorido da vida! acredite.

boa semana
um grande sorriso :)

Duarte dijo...

mariam,
Fotos! já verás as fotos, fiz 186 fotografias: o evento dá para muito mais.
Podia ser uma boa ideia... uma chuva de "clavelones", e se respondem, uma batalha.

Que a vida te sorria.

:))

María dijo...

Duarte:

Te felicito por este post, tan precioso, tan lleno de vida con estas imágenes que nos has puesto, y que, con las flores, adornan nuestras miradas, volviéndose más claras y luminosas, hoy que mi vista está tan apagada.

Gracias por compartir esta batalla de flores, envuelta en paz y armonía, colores y animación.

También te doy las gracias por tu comentario en mi blog, y por la ayuda que ofreces a Agualuna, te estoy realmente agradecida, y espero que ella se ponga en contacto contigo en cuanto lo sepa.

Un beso muy grande.

María dijo...

Con tu permiso, dejo enlazado este blog al mío, y asimismo, lo dejo entre mis diez blogs recomendados.

Muchísimas gracias por todo.

Duarte dijo...

maría,
me alegra que te haya gustado. Este año hice un gran reportaje que estoy preparando para que lo veáis.
Tengo actitudes similares a las tuyas, pero no siempre soy correspondido, algo que con los años deja secuelas.
Haré lo que pueda por Agualuna y le deseo lo mejor.
Un gran abrazo

Duarte dijo...

maría,
me parece muy bien y gracias por la deferencia.

Besos

María dijo...

Mil gracias, mil besos, mil rosas.

Multiolhares dijo...

Deve de ser maravilhoso, toda essa cor, a essencia perfumada pelo ar,

e o manter-se pelos tempos a tradição

beijos

Duarte dijo...

María,
todo eso para ti y mucho más, eres encantadora. Abrazos

Duarte dijo...

multiolhares,
Valência é uma cidade donde se cultivam as tradições. Algumas, politicamente, estiveram enterradas mas ressurgiram com todo o seu ímpeto.

Brevemente vou colocar todas as fotografias que fiz na "Batalla" e verás o colorido em todo o seu esplendor.

Beijos desde Valência

Carla dijo...

que belas imagens de um espectáculo cheio de cor e beleza
beijos

Duarte dijo...

carla,
Valência que geralmente brilha com luz própria, como cidade mediterrânea que é, mas nesta ocasiões resplandece; fruto dessa luz que a caracteriza, pela beleza das suas mulheres e o colorido que tudo adorna.

Beijos

María dijo...

Hola Duarte:

Venía a leer un nuevo post, pero veo que no tienes nada nuevo, para lo cual, te dejo mis saludos, deseándote una feliz tarde.

Un beso.

Duarte dijo...

maría,
Gracias por tu amabilidad. Estoy preparando el reportaje de la "Batalla".

Abrazos

Justine dijo...

Que maravilha deve ser esta batalha!Se todas fossem assim, que mundo belo nós teríamos!
Deve ser um espectáculo lindo, e claro, mais uma vez me fizeste ter vontade de partir já para Valencia:))
Cá esperamos a reportagem, esperando que aproveites bem a festa!

Rodolfo N dijo...

Que maravilla!!!!
Estas cosas tan bellas y que gracias a personas como vos conocemos.
Gracias!
Un abrazo

Duarte dijo...

Justine,
Existe um problema, muito calor. Uma reportagem de cinco horas entre eles, misturado com eles, um documento vivo impressionante. Regressei feliz e agora ao ver as fotografias estou encantado.
Sabes, querida amiga, que aqui te espero, sempre...
Beijos

Duarte dijo...

Rodolfo n,
Tu opinión me interesa mucho, te considero una persona de buen gusto. Si es de tu agrado, me quedo más satisfecho...

Un gran abrazo desde Valencia

AGUALUNA dijo...

Hola Duarte, què belleza tantas flores!!

Venìa a darte las gracias enormes por tus palabras de apoyo en el blog de mi amiga Marìa ( Mi Pluma de Cristal), en el que me dedicò tanto apoyo, ya que no me conoces y a pesar de eso estuviste dejandome tu solidaridad, unièndote a los demàs amigos.

Leìa tu comentario y te encuentro toda la razòn en que la poesìa lamentablemente, ya no es tan valorada como antes , salvo algunas excepciones.
Ahora venden otras cosas,serà que las generaciones ya no se dejan llevar tanto por el romanticismo, queriendo todo màs ràpido en todo aspecto y dejando de soñar a veces?
Realmente un gran fenòmeno.

Yo quiero decirte que sòlo soy una escritora aficionada, que escribe segùn lo que siente y lo que vive. Mis escritos son los momentos de mi vida en realidad.
Mi profesiòn es el Diseño, de ahì que me encanta pintar, dibujar y crear belleza, componerla, disfrutarla; el arte en sì.

La escritura la he aprendido a amar, porque tambièn es arte, es creaciòn.

Aprovecho de aclaràrtelo, por lo que escribiste de una editorial que busca talentos nuevos.
No sè si tù tienes algùn dato, o de què manera podrìa contactarme con ellos para ver què pasa o en ùltimo caso , tù serìas un medio.

De todas maneras te doy las gracias por tu gesto y ojalà algo pudiera resultar, mira que lo necesito realmente.

Desde ya te reitero mi agradecimiento de corazòn y te dejo un abrazo fraterno amigo desde Chile.

Agualuna

pd( disculpa , si te causò alguna molestia el dejarte un comentario en otro blog donde colaboras, no sabìa que no te pertenecìa y que este era el tuyo.)

tulipa dijo...

OLÁ DUARTE

Que belas festas em Valência!!!

Convido-te para umas férias na Isla Canela, queres vir?

Beijinhos

Rosa dos Ventos dijo...

Cá fico à espera da reportagem!
Por aqui não há boas lembranças dessas...

Abraço

gaivota dijo...

las fallas de valencia!
eres linda la batalla de las flores
tanto olor y color
espero por el reportage
estuve en oviedo por el campeonato del hockey sobre patines, "batallas" diferentes y sidra!
saludos

Duarte dijo...

Agualuna,
bienvenida. Si lo que necesitas está a mi alcance no tendré inconveniente en colaborar contigo.
Te escribiré un mail.
Besos

Duarte dijo...

tulipa,
assim é, as festas em Valência são todas de grande transcendência. A ver quando te animas e vens até cá.
Não conheço a "Isla Canela", donde está?

Abraços

Duarte dijo...

rosa dos ventos,
estou a trabalhar com quase duzentas fotografias. Vais gostar, vou fazer uma exposição passo a passo.

Beijos

Duarte dijo...

gaivota,
foi uma pena 0-1! Faltou o Adrião e o Livramento.
Eu sou dos que viveu os mundiais do Porto de 1952 e 56, no Palácio de Cristal, aquilo foi uma loucura, e os europeus, já como os meus filhos, dos anos oitenta.
O mundial vai ser nosso.
Como vejo que es uma pessoa empreendedora, vamos a ver se organizamos uma excursão para as próximas Fallas: o guia já está aqui.
Um grande abraço desde terras valencianas

sagitario dijo...

deve ser uma batalha muito bela, aliás em valência há uma tradição com os carpinteiros a fazerem um concurso de móveis e os que são premiados vão para o museu, os restantes são queimados, penso que a profissão de carpinteiro é muito respeitada e honrada.
Por isso Valência é uma cidade tão bela e com tradições muito interessantes, além de ser uma das cidades mais limpas do planeta, o que não acontece infelizmente em Lisboa.
Obrigada pela sua visita ao meu modesto e novo cantinho.

jasmimdomeuquintal dijo...

Adorei esta batalha.

Duarte dijo...

sagitario,
Querida amiga Sagitário, tens uma pequena confusão. É certo que Valência é terra de artesãos, mas mesmo sendo artistas no mundo do móvel, existe uma Feira Internacional, que talvez seja a mais antiga do mundo, mas não se concedem prémios os carpinteiros, os prémios que se concedem é às Fallas, que estão compostas de bonecos, "ninots". As Fallas queimam-se na noite de São José, mas existe um desses bonecos, elegido pelo povo, que é salvado da fogueira "ninot indultat", e que vai parar a um museu. Os artistas que fazem essas coisas, antigamente eram carpinteiros, agora são escultores.
Espero que com o exposto o tenhas um pouco mais claro.
A batalha é bonita, e com uma grande tradição. Brevemente terás um post com uma reportagem que fiz.
O de Lisboa é uma pena, sendo uma das cidades mais belas do mundo. Tem existir, por parte de todos, um interesse geral em que assim seja, e então seria menina e moça, como diz o Carlos do Carmo.
Por ali irei com sumo agrado...

Um grande abraço

Duarte dijo...

jasmindomeuquintal,
Faz-me feliz que penses assim.

Beijos

andorinha dijo...

As festas em Espanha têm sempre um colorido diferente.
Fico à espera da tua reportagem.
Um beijo.

Mari dijo...

Oi Amigo Duarte!
Estou sumida não?! Estou escrevendo aos poucos para os amigos.
Adorei as fotos com flores, sempre é bom aprender os fatos da história, mesmo que de longe. Deve ter sido bem florida! Quantas flores!!!
Batalla de Flores...nunca ouvi falar, que coisa, não!
Assim aprendemos.
Beijos com carinho, mari.

Duarte dijo...

andorinha,
Está quase, levará umas setenta fotografias, para que se possa ver a realidade duma grande festa.

Beijos

Duarte dijo...

mari,
um milhão de "clavelones" para atirar. As carroças iam adornadas com rosas, orquídeas, cravos, gladiolos, infinidade de variedades de flores... luz e cor, como em todo o mediterrâneo.
Hoje, ou amanhã vou-vos deixar uma 70 fotografias seleccionadas entre 180, par que podais fazer um juízo mais justo desta grande festa, tão colorida.
Espero que seja do teu agrado.
Beijinhos

sagitario dijo...

duarte,
obrigada pelo esclarecimento, eu viditei essa linda cidade há vários anos e estive precisamente no museu onde guardam os prémios das esculturas, mas a guia que nos acompanhava possivelmente não era experiente, pois era muito novinha, infelizmente nem sempre nos dão as histórias bem contadas, mas de qualquer maneira já estou devidamente esclarecida e informada correctamente, de qualquer maneira gosto sempre de saber como as tradiçóes são mantidas e honradas.
A nossa Lisboa, é das cidades mais bonitas do planeta, agora que já estou aposentada e ando numa universidade de 3ª. idade a estudar antropologia e a história do homem, aproveito os passeios culturais que a Câmara de Lisboa, efectua todas as semanas, com uma guia extraordinária, além de ser formada em Turismo, também é formada em História de Arte e com ela tenho conhecido realmente a cidade e toda a sus história que é riquissíma.
Um abraço da amizada e boas férias para todos

MARTHA THORMAN VON MADERS dijo...

Maravilhoso!
marthacorreaonline.blogspot.com

Duarte dijo...

sagitario,
Eu estou quase a entrar nessa etapa da vida, e quero fazer precisamente o mesmo que tu. A obra de teatro "Lisístrata", do post anterior, está representada por um grupo de amigos que já entrou nessa fase.
Se vindes a Valência procura-me que serei o teu guia.
Na semana próxima saio para o Porto, e vou fazer uma escapada a Lisboa, para ver o resto da família.
Um grande abraço.

Duarte dijo...

martha,
os teus tratados de historia é que são maravilhosos...
:))

São dijo...

Obrigada pela informação : assim já sei que posso responder aqui tanto a ti como a Juani!
Um abraço, caríssimo.

María dijo...

Te dejo mis saludos esperando leer ese nuevo escrito que estás preparando.

Feliz domingo.

Un beso.

Duarte dijo...

são.
é um prazer ter-te por aqui, mais perto. Volta sempre.

Um forte abraço

Duarte dijo...

maría,
ya lo tienes a tu disposición...
Que seas muy feliz, siempre.

Abrazos

mariam dijo...

espero que as férias tenham começado da melhor maneira...
já no berço?

um sorriso :)

ah!não se assuste com o meu post! rsrs

Duarte dijo...

mariam,
estive a trabalhar duro com a reportagem que fiz deste evento, depois a resolver uns assuntos pessoais, muito delicados, e na quarta ou quinta é que arranco, se posso!

Já lá estive e vejo tudo normal...

Sorrisos:))

mariam dijo...

Duarte, quer rir?, pois quem se assustou com as imagens p/b fui eu! , entrei 2 vezes no post para ver os coment... e não gostei nada de as ver, depois tive receio de ferir susceptibilidades (ou não fosse a maria do 7ºsentido!) e também que houvesse censura por parte do administrador do blog, então retirei-as.

já voltei à "velha" serenidade...
boas férias
encha a "alma" afectos, cheiros, sabores e cores... e, bons clics também...

um grande sorriso :)

Duarte dijo...

mariam,
obrigado pelas tuas boas intenções.
Com quem tens que estar satisfeita é contigo mesma, se é assim, tudo bem, só assim serás feliz.
Abraços y sorrisos:))

Vicente dijo...

Tengo un amigo que se llama juaquin duarte y me pidio un favor si lo podia llevar a la batalla de flores parece que la experiencia le impacto, el resultado fue que hizo un reportaje fotos aproximadamete sobre doscientas,y a continuacion ha avierto unas paginas en internet .un abrazo vicente y pilar

Vicente dijo...

Tengo un amigo que se llama juaquin duarte y me pidio un favor si lo podia llevar a la batalla de flores parece que la experiencia le impacto, el resultado fue que hizo un reportaje fotos aproximadamete sobre doscientas,y a continuacion ha avierto unas paginas en internet .un abrazo vicente y pilar

Duarte dijo...

Vicente,
Queridísimo amigo, has tardado pero has llegado a tiempo, fuera del sitio, pero da igual, lo que importa es la intención.
Además de mi amigo eres un tío muy grande, el mayor en lo tuyo; como te gusta el ciclismo, te digo, que como la copa de un pino.
Un gran abrazo para ti y para tu esposa, Doña Pilar

Vicente dijo...

Hola amigo no tengo mas tiempo por hoi cuando tenga un rrato ya me pondre al dia saludos y un abrazo de vicente y pilar .........

Duarte dijo...

Vicente,
esa es una constante en tu vida, todo el día corriendo.
Aprende a parar antes que te paren...
Abrazos para los dos