domingo, 26 de agosto de 2012

BARCELOS


Cruzamos el antiguo puente sobre el Río Cávado para penetrar en una de las ciudades más emblemáticas del arte popular "minhoto".


Es una antigua ciudad, situada en un emplazamiento con restos arqueológicos destacables, desde la Prehistoria pero, fue en el s. XII, cuando comenzó su historia, primero al serle concedido fuero por D. Afonso Henriques que la convirtió en villa y, después, cuando D. Dinis, en 1298, quiso gratificar a su mayordomo-mayor João Afonso y lo convirtió en conde, donándole la población en título. 




En 1385, el Condestable Nuno Álvares Pereira se convirtió en el 7º Conde de Barcelos. Entregaría Barcelos como dote en la boda de su hija Dª. Beatriz con D. Afonso, bastardo del rey D. João I. Entonces comenzó una época de gran desarrollo y dinamismo para Barcelos.



En el paseo por Barcelos acabamos en el tradicional Largo da Feira. También conocido como Campo da República, donde se encuentran las Iglesias del s. XVIII del Bom Jesús da Cruz, y de Nuestra Señora del Terço y donde todos los jueves, Quintas-feiras, se realiza la mayor feria de artesanía del País. 



De todas las piezas allí expuestas destaca el vistoso Galo de Barcelos, es el más representativo, sin olvidar las bandas de música y las figuras que representan hábitos y costumbres de la región. 



El mercadillo estaba llegando a su fin, todo el mundo recogiendo y el clima nada apacible.
Pero dio para comprar...
Aún nos quedaba Viana.


56 comentarios:

María dijo...

Belleza de imágenes, me ha encantado la última con ese balcón lleno de preciosas flores.

Una ciudad de ensueño, de encanto, de arte.

Gracias, amigo Duarte, por tanta belleza como nos regalas en imágenes.

Un beso.

La Gata Coqueta dijo...

La magia del viajero hace posible todas estas bellezas que nos acercas a las cascadas de nuestras pupilas.

Y de paso también te felicito un comienzo de semana digno de ser recordado a la lumbre de los textos.

Atentamente
María Del Carmen

Duarte dijo...

María,
gracias por tus palabras plenas de belleza y sensibilidad, que tanto te caracteriza.
Todo el Miño es muy verde e salpicado de bellas flores.
Besos, querida amiga

Duarte dijo...

María del Carmen,
querida amiga, estamos hablando de una zona de Portugal donde predomina la belleza natural por excelencia.
Gracias, por tus palabras amigas.
Un gran abrazo

Graça Sampaio dijo...

Linda a terra do meu pai, que conheço muito bem e há muitos anos. Curiosamente, anos mais tarde, a minha filha mais velha acabou por casar com um barcelense (que por acaso conheceu no Alentejo...) É, de facto, uma terra que me diz muito e de que gosto muito!

Lindas fotografias, como sempre, aliás....

Beijinhos

Poetiza dijo...

Hola Duarte, de gran belleza y magia este recorrido por tus letras e imagenes. Gracias por estar siempre amigo. Cuidate mucho.

Everdina Kleeb- van Dongen dijo...

De Barcelos lo que mas nos ha gustado a las mujeres, aunque llegamos a la hora de cerrar fué su mercado donde aún llegamos a tiempo de comprar unos cuantos gallos y otras cosas típicas de esta hermosa cuidad. El recorrido para ver todas estas cosas culturales fué demasiado corto por el escaso tiempo que teníamos y el apretado programa que rigía todas los días. Nos faltó horas para verlo todo. Esto invita a volver alguna vez mas por esta zona. Besos Diny

Duarte dijo...

Graça,
muito linda, como todo o Minho, estou enamorado destas terras minhotas!
São coisas das raízes, mas se é feliz isso é que mais importa, dá igual onde.
Abraços

Duarte dijo...

Sandra,
Así son de bellas las tierras del Miño, norte de Portugal.
Claro que si, pero también tienes que hacerlo...
Besos

Duarte dijo...

Diny,
Guimarães nos ha absorbido casi toda la mañana. El paseo por el Sameiro y Bom Jesus también, lo que nos limitó mucho. La larga espera en el palacio Ducal. Así como la espera por el autocar en Braga. Pero todas las demoras siempre acaban por enriquecernos en otro sentido.
Todo esto quiere decir que tenemos que volver para saborearlo mejor...
Un gran abrazo

Rosa dos Ventos dijo...

A feira de Barcelos às quintas é o máximo!
Estou a pensar numa visitinha ao Norte lá para Setembro!

Abraço

São dijo...

Amigo, mais uma visita interessante por uma bela cidade minhota - onde estive há dois anos.

O meu grato e terno abraço, Joaquim.

Duarte dijo...

Rosa,
Totalmente de acordo. Tivemos que dizer, meninas ainda temos que ir a Viana, não havia maneira de arrancar dali. Que felicidade!!!
Fazes bem, é uma boa época.
Abraços

Duarte dijo...

São,
com o viageira que es seria de estranhar que assim não fosse.
Agradecido quedo pelos teus afectos.
Um abraço sentido

AFRICA EM POESIA dijo...

Duarte
No fui a ver-te pero te quiero na misma..
um dia destes será. acredita.

um besito e te quiero .

gracias por tu trabajo sempre mui certo.

Graça Pereira dijo...

Tu dás-nos a conhecer as nossas cidades através de belas fotos mas, também aqui, encontro verdadeiras aulas da nossa História.
E fico grata, muito grata.
Beijo amigo
Graça

Poetiza dijo...

Hola Joaquin, lo hare, gracias. Cuidate mucho.

Duarte dijo...

Lili,
me encanta tu portuñol!
Vale, vale, tomo nota.
Sabes que aquilo que faço e que vai dirigido aos amigos sempre procuro que seja obra prima, ainda que nem sempre o consigo...
También te quiero.
Abraços

Duarte dijo...

Graça,
é um privilegio ter amigas como tu, e as tuas palavras incentivo para seguir na brecha. Obrigado.
Abraços de amizade

Duarte dijo...

Sandra,
sé que lo harás.
Abrazos

Sara dijo...

Otro precioso reportaje con preciosas imágenes...gracias por compartir Joaquín, gracias por permitirme viajar contigo a tantos lugares...con lo que a mi me gustaaaaaaaaa.
Abrazotedecisivo ya casi con un pie en el trabajín de nuevo

Duarte dijo...

Sara,
ojalá fuera así, poder viajar con vosotros a todos los lugares con lo agradables y aventureros que sois.
Algún día nuestros caminos coincidirán
Abrazos de amistad

María dijo...

Amigo, no hay nada nuevo pero te dejo mis saludos deseándote un feliz fin de semana.

Un beso.

rendadebilros dijo...

AS suas fotos estão cada vez mais espectaculares... Já nem falo da "lição", sempre oportuna e enriquecedora... Abraço.

Duarte dijo...

María,
encantado de verte por aquí, sabes que para mi es todo un placer saber de ti.
Que tengas un buen domingo.
Te beso

Duarte dijo...

Rendadebilros,
são as experiências da vida. Na escola estive sempre atento, depois fui viajando e lendo muito. Mais tarde tive que dar a conhecer aos meus filhos as maravilhas da minha terra: isto são essas experiências acumuladas pela vida fora.
As tuas palavras são o alento que me ajuda a seguir. Obrigado, com um grande abraço

rosa-branca dijo...

Olá Duarte, se Braga é linda, Barcelos não o é menos. Lindas fotos meu amigo e obrigado pela partilha que sem ela não sabia nem conhecia parte da nossa história, que tão bem ilustras. Adorei. Beijos com carinho

rendadebilros dijo...

Olá, Duarte, os filhos são sempre um (excelente) incentivo. Admiro a sua dedicação e atenção ao pormenor... bem haja pelo seu exemplo. Abraço. Bom restinho de Domingo!!!

Duarte dijo...

Rosa Branca,
Como já disse mais acima, é o Minho! Tudo é lindo nesta terra, as cidades aparecem umas a continuação das outras numa continuidade de beleza.
Recebe todo o meu afecto num abraço

Duarte dijo...

Rendadebilros,
agradeço que tenhas percebido este proceder meu. Prova evidente do teu saber e da sensibilidade que te caracteriza.
Ademais quando o pai é dum País diferente. Foi gratificante.
O mesmo desejo para ti, querida amiga, com um abraço

Claudinha ੴ dijo...

Duarte, o meu sangue Martins Pereira veio destas terras e o primeiro brasão em pedra me lembra muito uma estrutura que conheço desde criança. Influências portuguesas e de meus antepassados. Isso aguça mais o meu desejo de conhecer esta terra abençoada...
Um beijo! Obrigada pelas imagens!

elvira carvalho dijo...

Não conheço Barcelos. Há anos estive bem perto, mas não cheguei lá. As pessoas com quem viajava, conheciam bem, estavam mais interessadas em terras que não conheciam.
Amigo se puder passe pelo Sexta.
Um abraço

Duarte dijo...

Claudinha,
insisto, põe pés ao caminho, para nós será uma grande satisfação ter-te entre nós, acredita! Cá te espero.
Um abraço bem grande

Duarte dijo...

Elvira,
Barcelos bem vale uma visita. Esse triângulo do Minho não me canso de fazê-lo, que maravilha!
Vou até lá.
Abraços

Justine dijo...

Após uma ausência que nem eu própria sei explicar muito bem - uma falta de energia, uma inapetência, um desgosto por tudo o que me rodeia - aqui estou de novo a apreciar o esplêndido trabalho de divulgação do nosso país, que tu tão bem fazes! Um abraço com saudades:))))

Duarte dijo...

Justine,
temo que se está a converter num mal geral Noto que estou ansioso, aparentemente sem motivo, mas o externo também cria tensões, e são muitas.
Desejo que se iniciem as aulas para ver se altero parte do quotidiano e saio desta apatia.
Obrigado, pelos empurrões que me vais dando.
Noto em falta os dois dedos de conversa e a presença amiga que tanto ajuda a vencer pressões.
Um abraço bem grande, já com saudades...

AdA... dijo...

Historia, cultura y belleza a la vista en una sola voz...Gracias gentil trovador.

Fuerte abrazo,amigo.

Duarte dijo...

AdA,
cuanta elegancia en el decir, Sra. escritora.
Gracias amiga y muchos besos

Carla Fernanda dijo...

Um belíssimo lugar!!

Saudações,

Carla Fernanda

Duarte dijo...

Carla,
é o bom que tem o Minho, tudo está perto e é belo.
Beijinhos

Poetiza dijo...

Joaquin, que bellos sentires los que has compartido conmigo. Hermosa es tu alma. Gracias por dejarme tu sentir amigo. Cuidate mucho.

BRISA dijo...

Olá Joaquim
Passando para conhecer o seu blog e saber uma um pouquinho de vc.Gostei de tudo um pouco e aguardo sua visitinha. Se vc quiser me seguir fica bem a vontade. Belas fotos.Um abraço.
Ana Brisa

tecas dijo...

Meu querido amigo Duarte, boa tarde! mais uma beleza com que nos presenteias. Guimarães, berço de Portugal. Por incrível que pareça ainda lá não pude ir desde que foi consagrada como Património Mundial.
Soberbas fotos e textos exemplares. Lindo. De ti não era de se esperar outra coisa. beijinho amigo e obrigada pelo tua partilha.

Duarte dijo...

Sandra,
somos amigos, es obvio que conozcas mis sentires.
Gracias por tus palabras amigas.
Cuidate, amiga

Duarte dijo...

Ana,
Claro que sim, uma pessoa tão educada não merece menos.
Obrigado
Abraços

Duarte dijo...

Tecas,
palavras amigas as tuas. Quanta sensibilidade e dons de gente tens.
É um orgulho ter-te como amiga.
Um grande abraço

manuela barroso dijo...

Ah...sobre o pão de rala!
Aqui não sabem fazê-lo
só mesmo alentejo...
Évora... Estremoz...Desde a enchacada à sericaia ( ou sericá),
queijinhos de am~endoa e ovos...olha prepara uma crise de vesícula...
Mas que pecas com gosto. isso pecas!
Beijinho

Duarte dijo...

Manuela,
que bom é pecar quando sabe bem.
Já te roubei umas quantas receitas que vou divulgar com os amigos que me acompanharam nesta andadura pelo Minho.
Abraços de amizade

Lena dijo...

Olá Duarte !
Mais um belo passeio...Barcelos !
Gosto daqueles pequenos detalhes que encontras nas tuas caminhadas...é o faz o charme ao teu post..
Barcelos passei por lá um vez, dia de mercado, fiquei impressionada em ver tante gente.

Beijinhos...muitos

Duarte dijo...

Olá Lena!
É um imenso prazer voltar a saber algo de ti.
Gosto do que dizes e gosto de ti.
Abraços de amizade

Maria Emilia Moreira dijo...

Olá Duarte!
É bom revisitar as cidades do norte de Portugal através do teu blogue. Que belo trabalho de divulgação das terras, dos costumes,da História e das tradições portuguesas. A minha admiração e o meu abraço amigo.
M. Emília

Silenciosamente ouvindo... dijo...

Sempre divulgando grandes cidades
deste nosso Portugal ou aldeias
ou vilas. O Duarte é um grande
divulgador da cultura portuguesa
e do seu Património.
Bj.
Irene Alves

Duarte dijo...

Maria Emilia,
Obrigado, muito obrigado, reconfortam palavras assim, ajudam a seguir.
Abraço-te agradecido e emocionado

Duarte dijo...

Irene,
amiga, essa é a intenção, se a causa efeito é essa, dever cumprido. Somos duma terra linda, que merece ser divulgara, e por lá andei com 24 mais.
Um grande abraço e contente por ver que é do teu agrado

Lídia Borges dijo...


Eu que sou do Minho, fiquei encantada com o cuidado com que estas cidades foram aqui retratadas.

Obrigada

Duarte dijo...

Lídia,
é um prazer imenso ver-te por aqui, aparece sempre.
Sou do Douro Litoral, mas como se fosse MINHOTO, são terras que me atraem fortemente.
Obrigado eu...