domingo, 15 de noviembre de 2020

OLITE


Olite fue una ciudad romana construida en el siglo I d.C., cuya principal función fue proteger la calzada que comunicaba Caesaraugusta (Zaragoza) con Pompaelo (Pamplona).  


El fuerte carácter militar de la ciudad queda reflejado en sus murallas, que constituyen el recinto fortificado romano mejor conservado de Navarra. En la Edad Media la población creció y hubo que ampliar las murallas. Se distinguen fácilmente, ya que la romana la forman grandes bloques de piedra con su característico almohadillado y en las medievales la piedra es más pequeña. 












El castillo de Olite es un impresionante conjunto monumental mandado construir por el rey de Navarra Carlos III el Noble. La corte de Olite poco tuvo que envidiar al resto de cortes europeas durante la Edad Media. El majestuoso castillo tenía terrazas ajardinadas, surtidores y hasta un zoológico en el que había leones, camellos, búfalos africanos y una jirafa. En la parte más sombría del palacio está la “nevera”, una especie de huevo donde se almacenaba la nieve para hacer helados durante los calores del verano. Nada tenía que faltar para el disfrute de los reyes navarros.













El palacio es un complejo e irregular conjunto de torres, estancias, jardines, galerías y patios que sobresalen majestuosos sobre el caserío de Olite. Su esplendor fue tal que se decía que en él había “tantas habitaciones como días tenía el año”.










Comenzada en el siglo XIII está adosada al castillo y en ella se celebraron bautizos, bodas y exequias reales. Destaca la fachada, obra cumbre de la escultura gótica navarra, de gran riqueza decorativa y elegantes proporciones.










   

Destaca la alta torre gótica (s. XIV) de 54 metros de altura acabada en una airosa flecha de disposición octogonal y perfil curvo. La portada es románica del siglo XII, siendo el cuerpo inferior de la torre y el claustro del siglo XIII.



25 comentarios:

Justine dijo...

Admiro profundamente a capacidade que Espanha (ou as suas comunidades)tem de preservar o seu património arquitectónico. Que belas e bem cuidadas cidades a ensinarem-nos a História!
E tu, amigo, a lembrar-me a História com as tuas fotografias e os textos que as acompanham.
Obrigada por isso

Lena dijo...

Da Espanha só visitei Barcelona e claro adorei...pois é lindíssima, com as marcas deixadas de Antoni Gaudí. 
Posso ver que toda a Espanha o é...lindíssima e vista pelo teu olhar ainda o é muito mais..
Impressionante como antes com as mãos conseguiam castelos e monumentos fabulosos..
Gostei muito de conhecer Olite, passo lá perto quando vou a Portugal...

Beijinhos

Dia dijo...

Muito belas fotos. Fiquei curiosa e gostaria de lá ir um dia.
Um abraço
Muita saúde

Sandra Figueroa dijo...

Que bonitas fotos, un lugar precioso que se antoja estar ahí. Saludos amigo Joaquin, cuídate mucho.

Francisco Manuel Carrajola Oliveira dijo...

Muito interessante esta cidade que não conhecia.
Um abraço e boa semana.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
O prazer dos livros

Graça Pires dijo...

A História em cada torre, em cada fachada, em cada telhado. Obrigada pela reportagem fotográfica.
Uma boa semana com muita saúde.
Um beijo.

São dijo...

Belissimas fotos de uma excelente visita guiada, como sempre.

Gosto muitissimo de ESpanha, sabes?


Beso, amigo mio, e excelente semana

Majo Dutra dijo...

Belíssimo património cultural em monumentos construídos com
materiais e estilo diferentes dos que estamos habituados.
Na verdade, um centro histórico que é um verdadeiro paraíso
para os amantes de fotografia.
Mais uma vez, agradeço a tua impecável e esmerada reportagem.
Cuida-te muito. Dias agradáveis.
Tudo pelo melhor para vós. Abraço amigo.
~~~~~~~~~~~~~

Maria Rodrigues dijo...

Linda e interessante cidade.
As fotos estão fantásticas.
Beijinhos

Duarte dijo...

Zé,
é certo, aqui inverte-se na conservação do Patrimonio Cultural. Isto é Navarra, mas em toda a Espanha que eu lá vou conhecendo.
Sou um homem de ciências mas sempre senti paixão pela arte e a fotografia também é uma arte, e lá vou tentando aprender para melhorar. Se o consigo, ainda muito melhor.
De nada, amiga, é um prazer.

Tais Luso dijo...

Olá, amigo Duarte, que belo país é a Espanha e hoje estou conhecendo Olite, belíssimos Castelos e construções de pura arte! Um dia conhecerei, será muita emoção.
Troquei de antivírus e consegui entrar em seu blog! Torço para seguir assim.
Beijo, uma excelente semana, cuide-se amigo.

Duarte dijo...

Lena,
sim, passas perto, quando fores com tempo faz uma paragem que vais gostar.
O Patrimonio aqui está bem cuidado, neste caso, ainda que em restauração, é uma prova disso.
Obrigado pela tua apreciação.
Abraços de vida

Elvira Carvalho dijo...

Um belíssimo palácio com testemunham as fotos. Tenho pena de só ter conseguido ler dois pedacinhos do que escreveu. Infelizmente os meus olhos não conseguiram ler nada do resto.
Abraço e saúde para todos, especialmente para si e sua esposa.

Duarte dijo...

Dia,
parece-me uma boa ideia e como Valência está nessa rota, passas por aqui e conheces esta bela cidade Mediterrânea: e desfrutamos da tua companhia.
Um forte abraço e cuida-te muito

Duarte dijo...

Sandra,
pero en el norte de España. Tiene encanto porque todo está muy cerca y bien conservado.
Abrazos de vida y cuídate mucho

Duarte dijo...

Francisco Manuel,
amigo, há tanto mundo para ver, e qual deles o mais belo, que muitas vezes nem sabemos por onde começar.
Abraço e bom fim de semana.

CÉU dijo...

Hola, Duarte!

Desconhecia, completamente, a cidade de Olite e a sua História, mas o meu amigo dá-nos a conhecer verdadeiras maravilhas.
O Castelo, o Palácio, enfim, tanto que ver. Gostei de todas as fotos, claro.
Muito grata pelo seu comentário no meu blogue. Evidente que "agarrei" o hombre (sonrisas).

Besitos para todos.

Duarte dijo...

Graça Pires,
que poético, como se nota a tua arte d bem escrever.
Isso foi o que me levou até ali, e gostei. Satisfaz-me saber que é do teu agrado.
Abraço e uma boa semana.

manuela barroso dijo...

Sou uma admiradora convicta dos monumentos de Espanha. De férias ou em passeio, sempre se depara com memórias tão dignamente preservadas , que são história viva.
De Odite nunca ouvi falar . Mas... aqui está mais um monumento lindíssimo, diferente ,
que gostei muito de conhecer. E como sempre, a tua arte fotográfica foi a Viagem .
Joaquim, querido amigo , gostei imensooo!
Abrazo de vida !

Andreia Inoue dijo...

Olá, tudo bem? Sou a Andréia Inoue e escrevo principalmente sobre exposições e peças teatrais. Novos amigos são bem vindos, quero conhecer o seu conteúdo e te convidar para seguir o meu Blogger.
https://andreia-inoue.blogspot.com

Duarte dijo...

São,
sabes que onde ponho a objetiva da câmara saco foto. Algumas saem bem.
Sim, sei, mas ainda não vieste a Valência.
Abraços de vida e cuida-te muito

Duarte dijo...

Majo,
Assim é, está tudo bastante bem conservado e o que não em restauração. O que mais me impressionou foram aqueles muros tão altos, o que não é habitual neste tipo de castelos, fortalezas ou mesmo os palácios.
Obrigado, amiga, isso ajuda a seguir e a melhorar.
Abraços de vida e cuida-te muito.

Duarte dijo...

Maria Rodrigues,
É uma cidade pequena que então limitava-se às muralhas que protegiam o burgo.
Merece a pena passar um dia nesta linda cidade.
Obrigado, lá vou tentando superar-me.
Abraços de vida

Duarte dijo...

Tais,
Oxalá, nota-se a tua ausência.
Quando decidires avisa para ver a possibilidade de acompanhar-te em alguma visita.
Bom fim de semana.
Abraços de vida

Duarte dijo...

Elvira,
é um palácio, castelo e colegiata. Residencia Real durante muitos anos. Impressiona a altura que aquilo tem. Está bastante bem conservado e seguem com a restauração.
Pelo menos disfruta das imagens.
Abraços de vida, querida amiga e cuida-te muito: cuidai-vos!.