sábado, 12 de diciembre de 2009

AO MEU PORTO ( IV de V )




O meu pensamento voa como um pássaro, entre as árvores do Palácio de Cristal, sem saber donde pousar-se, com tanto de belo para ver. Observo que, por instantes, da superfície do Douro começa a elevar-se uma capa de vapor, o Douro parece que fumega! Ao longe vejo como uma mancha branquíssima e opaca se apoderava, progressivamente, das margens do rio; foi asfixiando pouco a pouco candeeiros e edifícios, até fazer desaparecer tudo e envolver-me. A ponte da Arrábida parecia retroceder, como empurrada por uma força irresistível. O encanto daquela paisagem quebrou-se. É como se uma plácida noite de Outono se convertesse em algo sobrenatural, tão pálida como preta, tão transparente como impenetrável, deixando no vazio um longo traço opaco, até que me senti envolvido num véu de fantasia: só me rodeava o nevoeiro, tudo desapareceu pelo encantamento da fada mais terrível.







No verão estes jardins recobravam vida, e os clássicos restaurantes actividade, inundando o recinto do cheirinho a sardinhas assadas, a bacalhau e a frango no churrasco. Hoje tudo isso acabou e a malta já não se vê, como dantes, a passear pela avenida das Tílias, até os espectáculos nocturnos decaíram! É certo que os teus novos jardins são muito mais amplos, mas também mais afastados. Convidam a estar em plena natureza, é o Parque da Cidade, donde se pode passar um dia em beleza com toda a família. Tudo bem, uma excelente ideia, mas recordo com nostalgia as noitadas do Palácio.








Dos jardins do Palácio de Cristal olho para, uma vez mais, deleitar-me com algumas das imagens mais belas que possuis;
o rio, o Solar do vinho do Porto, o museu Romântico, a ponte da Arrábida, Miragaia, Massarelos; estendo os olhos até a Afurada, e da corcunda do Cabedelo à Foz.






Só no Solar do vinho do Porto se podem degustar todos os caldos que dá o Douro. O ambiente é propício, silencio e aromas. O jardim de em frente é pequeno mas atractivo com perfume a rosas, sempre abertas.






O museu Romântico é duma visita obrigada, só vendo-o pode-se deduzir o que levou ao Rei Carlos Alberto a eleger o Porto como porto de abrigo, como refugio, para poder viver em paz os dias que a vida lhe concedesse.





Ao descer por Júlio Diniz, tenho que matar saudades numa visita breve às escolas do Infante, donde anos de aprendizagem me deram uma formação de garantia que tão útil me foi na vida.
O pedreiro segue ali, no fundo da rua da Torrinha, imagem inalterável, que não cumpre décadas, enquanto que eu, e o velho Infante, sim notamos o cair dos anos sobre nós. Que longe vão ficando aqueles dias que nos víamos a diário! Assim como a Rosália de Castro da praça da Galiza, mesmo em frente do Gomes Teixeira!




Mais além, o monólito imponente que nos lembra os enfrentamentos com as tropas do Napoleão, souberam, estrategicamente, vencer um exército tão poderoso, eram um punhado de valentes.




Uma avenida que parece que não tem fim, da Boavista, leva-nos até ao mar, lá está o Castelo do Queijo. Mas antes tive que passar por Serralves para observar a obra de Siza Vieira e contemplar o único museu de arte contemporâneo do Pais, que compete com os melhores do mundo. Um passeio pelos jardins de árvores frondosas, únicas; flores, de beleza incomparável; até o lago, e a casa de campo, são únicos dentro do burgo.





73 comentarios:

mdsol dijo...

Caríssimo Duarte

Que bela volta dei ao Porto contigo neste post. De facto, tu consegues refazer sentidos com estes teus posts. Muito bem Duarte. Gostei muito (mais uma vez)

Grande abraço

:))))

JESUS y ENCARNA dijo...

Buenos dias Duarte, los lugares cambian a medida que pasa el tiempo, lo bueno es que se pueda pasear y disfrutar de ellos, en libertad.
Agradezco tu vista en nuestra casa .
Saludos cordiales.
Jesus

Duarte dijo...

Mdsol,
essa é a intenção, fazer sentir aquilo que apalpo, o prazer que me dá, sobre tudo, perder-me no velho burgo. Depois sentar-me a contemplar esse vaivém continuo, doutros, de aqui para acolá, enquanto reponho energias...
Obrigado pela, inteligente, apreciação. :)))
Um forte abraço

Duarte dijo...

Jesús,
querido amigo, es un placer verte por aquí: casi siempre nos encontramos en amigos de Benimàmet, por eso me ha ocasionado una grata satisfacción el facto de que me hayas buscado aquí.
ESO, en libertad, ciertos barrios hay que visitarlos con los ojos bien abiertos, en cada rincón algo bello que te deja pasmado, o alguna ingrata sorpresa... cosas de la globalización...
Un fuerte abrazo, y un beso para Encarna

Dois Rios dijo...

Caríssimo amigo,

Paseei contigo por entre as jóias do teu Porto. Desfrutei do belo através dos teus sensíveis olhos e inundei-me com as palavras que a tua cidade fez transbordar.
O Porto te merece. Sabes ser filho.

Te deixo o meu encanto,
Inês

Duarte dijo...

Inês,
não me digas estas coisas que a lágrima salta...
Como já disse antes, se isso é o que sentiste essa foi a minha intenção, o que me faz sentir nostálgico... menos mal que já falta pouco... quero abraçá-la!
A ti, abraço-te deste lado do charco, mas quero que o sintas, vai nele toda a intensidade do carinho que te tenho.
Fiquei encantado!

Claudinha dijo...

Ah, mas eu fico emocionada. É tudo muito lindo! Eu preciso um dia conhecer o Porto, enfim todo o país!
Obrigada pelas lindas fotos e pelo turismo que nos proporciona!
Um beijo!

Duarte dijo...

Claudinha,
sei que é uma reiteração mas o único que tens que fazer é aparecer por aqui, ou por ali.
O meu oferecimento segue em pé.
Um abraço

AFRICA EM POESIA dijo...

Duarte
feliz pela tua presença.
obrigada pelas palavras...
beijo

O DIA LONGO


O novo dia nunca mais chega...
Acordei cheia de impaciência...
Ouvi dizer...
Amanhã é Natal...
É um dia de Amor...
Acordei...
Para ver o que se passaria...
E olhei o céu...
Era igual ao céu de ontém...
E olhei o sol...
Como ontem...
O sol estava escondido...
E fui procurando...

Para mim...
Nada de novo...
Não via o Natal...


A minha casa...
Continuava igual...
As janelas...
Tinham os mesmos vidros...
Velhos e partidos...
A porta...
No fundo...
Com os mesmos buracos...
Onde os ratos
Entravam...
Sem pedirem licença...

Voltei a olhar...

E o Natal...
Afinal onde estava?
Procurei debaixo
Da grande pedra...
Na berma da estrada...
E não encontrei nada...

Depois fui a casa...
E trouxe um pão...
Pão simples, mas bom...
Quando...
Dei uma dentadinha
Com os meus dentinhos...
Pequeninos...
Vi um menino...
Pequenino como eu...
Com os olhos abertos...
A olhar o meu pão...

Nesse momento...
Senti que gostaria...
Que fosse meu irmão...

Peguei no meu pão
Dei-lhe metade...
Demos as mãos...
Caminhamos pela estrada
E
Uns anos mais tarde...
Entendi...
Que nesse dia...
Tinha sido NATAL...

LILI LARANJO

Duarte dijo...

Lili,
como já comentei no teu reduto... belo.
Que tenhas um bom Natal.
Um grande abraço

Brancamar dijo...

Duarte,

Adorei tudo o que vi, os recantos do nosso POrto, dos mais belos. Também eu tenho saudades da Feira Popular na Avenida das Tílias.
Quanto ao resto nada posso dizer mais a não ser a comoção de ver aqui os sítios que tantas vezes frequento.
Deixo-te um beijinhos e votos de Bom Natal, se entretanto não tiver oportunidade de passar antes.
Beijos

Duarte dijo...

Brancamar,
são as transformações que nos traz o passo do tempo!
Bom, se foi do teu agrado eu contente.
Passa sempre que possas, es bem-vinda.
Também para ti um bom Natal.
Abraços

Arabica dijo...

Duarte,

mais um belo passeio!

E hoje, com que requintes, acabamo-lo a saborear um Porto sob o perfume das rosas!

Um abraço, amigo, bom inicio de semana!

Duarte dijo...

Arábica,
essa foi a intenção... desde esse olhar do interior do Museu de Serralves para o Jardim... e... como não, uma bela rosa... prémio bem merecido para os que, como tu, tem beleza no olhar...

Uma boa semana, com um forte abraço

Sandra dijo...

As vistas mais vistas por mim, estão aqui nestas fotos.
Palácio e Serralves, dantes à noite, hoje, de dia em família.
Estiveste bem perto de mim. Tenho o prazer de trabalhar na Boavista e de absorver diariamente a fantástica energia desta cidade.
Agora, depois de ler isto, o almoço vai ter de ser acompanhado por um copo de vinho maduro tinto do Douro!
E se o tempo chegasse, dava um pulinho já ali ao Palácio, como nao dá, vou almoçar à casa da música.
:)

Duarte dijo...

Sandra,
uma boa eleição, não há nada melhor que sentir-se rodeado de cultura. :)
A Boavista! O primeiro que conheci nas minhas andaduras para o Gomes Teixeira e depois para o Infante: saía na estação da avda. da França, agora Caixa da Música. Quando não tínhamos aulas íamos jogar à bola para o campo dos ingleses... saltando aquele imenso muro; ou até Massarelos para ver os bacalhoeiros, e mais tarde as obras da ponte... enchi-me tanto de tudo o que é dela!... tortura-me esta separação!... (:
Besos

Manuel (Solrak) dijo...

Duarte, amigo, es un placer contemplar cada una de las fotografías que nos muestras, y dedicar un momento en apreciar los detalles, como siempre elegantes, sobrias, bonitas fotos.
Te deseo tanta felicidad como necesites, y que cada segundo de tu vida sea un instante mágico del que disfrutar.

Un fuerte abrazo.

Duarte dijo...

Amigo Manuel, esa sensibilidad que tanto te caracteriza y que expresas en un lenguaje pleno de matices, poesía en prosa, me deja bloqueado... pero que agradezco.
Instantes de una vida plena es lo que os deseo, y pluralizo, os quiero mucho.

Recibe todo mi afecto en un fuerte abrazo

Lena dijo...

Deliciei-me com teu passeio Duarte...
Pelos parques e museus da cidade,
nas tuas fotos todas mais lindas,
chegou aqui esse cheirinho do teu Porto...
reparo como gostas dele
e como ele te falta...
Imagino bém..

Beijinhos

Duarte dijo...

Lena,
TU, melhor que ninguém, sabe dar valor aos sentires, à saudade!

Aqui, 

na distância,

é quando 

se nota a Pátria. 

Cada frase, 

cada imagem, 

cada som...

SAUDADE

As tuas palavras são um bom estimulo que muito agradeço, são o lenitivo que ajuda a superar. Obrigado.
Gosto dela, ainda que seja com nome masculino.

Para ti, todo o meu afecto num beijo.

Charlie dijo...

Duarte, o que senti ao ler este post e ao ver estas fotografias.. foi absolutamente inexplicavel!
Todos os meus sitios!! A Gomes Teixeira, minha casa durante 2 anos! O Infante, minha casa durante 3 anos! Os jardins do Palacio, o lugar que me viu crescer e onde eu cresci tanto! O Parque da Cidade, o meu parque!! Mesmo aqui ao fundo da minha rua! Tantas memorias.. Que momento tão bom!
Obrigada Duarte!

Duarte dijo...

Charlie,
curioso!!!
deste os mesmos passos que eu dei. Só que com objectivos diferentes, mas os centros de estudos foram os mesmos.
Não sabia que vivias por aí. Quanto fiz a reportagem dos Red Bull estive aí metido todos os dias.
Satisfaz-me saber que te pude causar tais vibrações, é sempre bom.
Obrigado eu pela gratidão.

Sandra dijo...

Ah...e esqueci-me de mencionar...e após um longo dia a descobrir ou a recordar os tesouros desta cidade, nada melhor que uma rosa vermelha.
:)

Duarte dijo...

Sandra,
uma rosa vermelha, e do Palácio!
Nesse mesmo dia falei com o sacristão que me autorizou a fotografar toda a igreja... uma maravilha que espero divulgar depois desta série.
Dom Pedro e TU, bem o mereceis... tu especialmente!
+ besos

Canduxa dijo...

Duarte,

Linda esta viagem pelo Porto, cidade que habito há já 37 anos.
Imagens lindíssimas e um belo texto.
Parabéns!

Abraço do Porto

Canduxa dijo...

Duarte,

Linda esta viagem pelo Porto, cidade que habito há já 37 anos.
Imagens lindíssimas e um belo texto.
Parabéns!

Abraço do Porto

Canduxa dijo...

Duarte,

Linda esta viagem pelo Porto, cidade que habito há já 37 anos.
Imagens lindíssimas e um belo texto.
Parabéns!

Abraço do Porto

Brancamar dijo...

Obrigada Duarte,

Os teus comentários no meu sítio são sempre de interpretação tão de acordo com a minha que me impressiona amigo, a tua inteligência psicológica é grande.
Aproveito para rever este post e mais uma vez relembrar que o Porto é belo.
Deixo beijos.
Branca

Duarte dijo...

Canduxa,
sinto-me feliz com esse abraço tripeiro, o que retribuo desde terras valencianas, aqui no Mediterrâneo.
Aí nasci, e aí cresci, até que vim parar a estas latitudes, mas, sempre que posso, aí vou eu...
Besos

Duarte dijo...

Branca,
deixaste-me a meditar... o que me dizes dá que pensar, seremos almas gémeas?!
Claro que concordo com muitas coisas que dizes, mas só por ser assim, como o sinto.
Quanto ao termo inteligência... bom... penso e analiso, e não escrevo se não creio naquilo que digo.
Um forte abraço, já com sabor a Natal...

mundo azul dijo...

___________________________________


Obrigada, pela viagem que me proporcionou! Assim, fico conhecendo um pouco mais de Portugal...

São belas fotos!


Beijos de luz e o meu carinho...

_________________________________

Duarte dijo...

Luz,
obrigado, estas palavras de reconhecimento são o impulso que me induz a seguir.
Recebe todo o meu afecto um abraço

gaivota dijo...

e vim revisitar o teu porto nesta viagem de fotografia...
há muitos locais que não conhecia, quando lá voltar vou ver 'outro porto'!
beijinhos

Duarte dijo...

Gaivota,
por fim alguém disse algo que queria ouvir. Os meus parabéns.
O trabalho que estou a fazer sobre esta cidade, é o fruto de muitos anos e de mito passear-me por ela. O ir descobrindo-a dia a dia: fotografia aqui e acolá. Sítios que me deixaram perplexo muitas vezes... como é possível que só agora descubra isto? É a pergunta que me faço! Tu soubeste vê-lo... todo um mérito!"
Um forte abraço, com todo respeito.

Carla dijo...

imagens encantadoras deste belo Porto
beijo

~pi dijo...

aqui te digo que reconheçi

aqui, de novo,

de outro modo as texturas

as cores e as

formas

de tudo o que tão bem

imaginava conhecer :)

[ com grande prazer! *





beijo





~

Duarte dijo...

Carla,
por isso é uma das cidades mais belas do mundo.
Beijinhos

Duarte dijo...

~pi,
gostei do teu dizer...
Com este jogo de palavras vi e senti os teus prazeres.
Expressão dum ser amável!

Um forte abraço

São dijo...

Será que desta vez fica o comentário?

A tua cidade fica mais bela através dos teus olhos apaixonados, sabes?

Lamentável que retirem do Porto a Red Bull Air Race!

Um beijo, amigo meu.

São dijo...

Será que desta vez fica o comentário?

A tua cidade fica mais bela através dos teus olhos apaixonados, sabes?

Lamentável que retirem do Porto a Red Bull Air Race!

Um beijo, amigo meu.

Duarte dijo...

São,
agradeço que me dês a noticia, melhor dito, que a confirmes, pois foi algo que escutei sem querer admitir.
A cidade é ideal para esse evento. Essa forma em anfiteatro, que obriga o piloto a arriscar, da-lhe um encanto especial. Foi o comentário que me fez Alejandro, e que o Peter confirmou: isto na tarde do dia anterior à final, numa breve conversa que tivemos com eles nos hangares.

Querida amiga, emocionaste-me com essa frase, soubeste-me tocar a fibra sensível: deduzo que em parte é fruto da saudade. Uns poucos dias me separam do reencontro.
Obrigado.

Recebe todo o meu afecto num beijo

Duarte dijo...

São,
agradeço que me dês a noticia, melhor dito, que a confirmes, pois foi algo que escutei sem querer admitir.
A cidade é ideal para esse evento. Essa forma em anfiteatro, que obriga o piloto a arriscar, da-lhe um encanto especial. Foi o comentário que me fez Alejandro, e que o Peter confirmou: isto na tarde do dia anterior à final, numa breve conversa que tivemos com eles nos hangares.

Querida amiga, emocionaste-me com essa frase, soubeste-me tocar a fibra sensível: deduzo que em parte é fruto da saudade. Uns poucos dias me separam do reencontro.
Obrigado.

Recebe todo o meu afecto num beijo

María dijo...

Hola, amigo Duarte:

He estado disfrutando de todas las imágenes que compartes con nosotros, es un placer para los ojos, con tantas fotografías bellas, y gracias a tí, ya que como no podemos estar allí, nos estás acercando más a tu preciosa tierra, mil gracias por ello.

Un beso y feliz día, amigo Duarte.

anamorgana dijo...

Estupendo reportaje como he visto pocos o ninguno.Gracias por acercarme esa bella ciudad.
Pregunta que seguro no sabrás contestar pero que no resisto a hacer¿Porqué hay tan malas imágenes sobre Portugal en Internet?
Todo publicidad de hoteles.
Mis mejores deseos.
Felices fiestas
Saludos
anamorgana

Maria dijo...

...e agora, vais ver a prova a Lisboa...????

Duarte dijo...

María,
tu, siempre tan gentil. Tu sensibilidad tan a flor de piel me traslada a un mundo, diría que imposible...
Muchas gracias, hoy, entre unas cosas y otras, me has llenado de satisfacciones.
Besos

Duarte dijo...

Anamorgana,
te merecías conocer una de las ciudades más bellas del mundo, para mi única! Era algo que tenia pendiente desde hace tiempo pero me resistía a hacerlo por lo complejo del montaje, sobre todo el gráfico. Este verano de máquina en ristre me dediqué a fotografiar lo que aun me faltaba... este es el resultado!
Por eso me satisface tanto que te agrade.
Que tengas unas muy felices Fiestas.
Saludos

Duarte dijo...

Maria,
se acabam por ir a Lisboa, possivelmente ali estarei, senão em Barcelona...
Cometem uma equivocação, creio!

Sandra dijo...

Acho que hoje estou no blog certo.

Vim te retribuir os carinhos deixados ao blog da curiosa e Interação de amigos.

AMIZADE É VINCULO, MUITO IMPORTANTE NA VIDA DAS PESSOAS. ELA NOS FORTALECE, NOS ENCORAJA, E FAZEM VER QUE A VIDA VALE A PENA, EM QUALQUER CIRCUNSTÂNCIAS.
QUERO LHE DAR UM ABRAÇO FORTE.
HOJE JÁ FAZES PARTE DE MINHA VIDA.
SINTO SAUDADES, QUANDO NÃO E VEM E ME PREOCUPO, QUANDO NÃO POSSO VIM ATÉ VC, PARA RETRIBUIR.
AMIZADES COM RESPONSABILIDADES E SINCERIDADES,É ASSIM MESMO, SEMPRE COMPROMETIDOS UM COM O OUTRO.
SEI QUE HOJE VOU EM FÉRIAS PARA PASSAR O NATAL COM A MINHA FAMILIA. E VOLTAREI SÓ EM JANEIRO. MAS O CORAÇÃO VAI APERTADINHO, PELA SAUDADE QUE SENTIREI.
CADA DIA, CADA MOMENTO, EU ESTAREI LEMBRANDO DE VC.
A CADA FATO QUE VER, ESTARÁ ALGUMA COISA RELACIONADO COM A NOSSA AMIZADE.
SEJAM FRASES, JEITOS OU ATÉ MESMO IMAGEM..
POIS QUANDO AMAMOS, O OUTRO E FORTALECEMOS A AMIZADE, TODOS OS SENTIDOS NOS FAZEM LEMBRA E RELEMBRAR DO OUTRO. SEJA NA MENTE, OU NO CORAÇÃO.
AGRADEÇO POR TUDO O QUE PASSOU DE BOM, NESTE ANO. CONSTRUIMOS UMA LINDA AMIZADE.
E LHE AGRADEÇO MUITO POR ISSO.
NO FINAL DA TARDE OU ATÉ A MESMO ANOITE, VOLTAREI PARA LHE DEIXAR UM FELIZ NATAL E UMA LINDA IMAGEM DA NOSSA AMIZADE.
AGRADEÇO POR TUDO.
FOI UM GRANDE PRAZER TE CONHECER E ME TORNAR AMIGA, DE UMA PESSOA MARAVILHOSA, TÃO DISTANTE, MAS TÃO JUNTO DE MIM..UNIDA PELO CORAÇÃO...


NÃO DEIXE DE PEGAR OAS SELINHOS NESTE ENDEREÇO.

http://sandraandrade7.blogspot.com/2009/12/interacao-de-amigos-esta-muito-feliz.html#comments

ATÉ A VOLTA EM JANEIRO.
TE AVISAREI QUANDO VOLTAR.
DESEJO A VOCÊ UM LINDO E MARAVILHOSO NATAL E UM NOVO ANO CHEIO DE PAZ E AMOR. SUCESSO E SAUDE. O RESTANTE A GENTE DÁ UM JEITO.
UM FORTE ABRAÇO. DEUS FIQUE CONTIGO.
COM MUITO CARINHO
SANDRA

Sara dijo...

Estimadisimo Duarte, aún conozco una parte pequeñita de tu amado Potugal, de tu Portugal natal, pero esos Arribes del Duero, del Duero que te vió nacer, me han cautivado y ese Oporto es fantástico desde tus fotos, desde tu punto de mira...
... me imagino poder disfrutarlo en vivo y en directo, algún día lo conseguiré, y se que lo disfrutaré.
Desde ese Duero tuyo que tanto me ha cautivado, te envio un cálido abrazo aunque ahora mismo son las doce menos veinte de la noche y estamos a -11ºC, nos espera una noche gélida, pero mi abrazo es cálido, para un Portugués entrañable y generoso.
Tienes un pequeño detalle en mi blog, hecho de corazón, y prontito me pasaré a darte las felices fiestas navideñas como Dios manda.
Muacksssssssss

Duarte dijo...

Sara,
ya estuve, y allá tienes plasmada constancia de ello. Gracias por tu gratitud.
Para mi seria un gran placer poder ser vuestro guía en mi ciudad, a la que no me canso de alabar y de decirle lo bella que es.
No conozco ese rincón que mencionas, pero estoy interesado en conocerlo. El frío me acobarda y si lo hago será en otra ocasión del año.
Una vez más, gracias, por tu generosidad, por esas palabras tna cálidas, tan plenas de afecto.
Un fuerte abrazo y mi cariño.

Duarte dijo...

Sandra,
assim é, o que muito te agradeço.
As tuas palavras estão cheias de afecto, espero poder chegar a estar à tua altura.
Uma definição de boa amizade, cheia de boas intenções, o que muito agradeço.
Também irei abraçar o meu Porto e não voltarei até ao próximo ano.
Comunicar-nos-emos no regresso.
Beijinhos

Poetiza dijo...

Hermosas las magenes, un gusto pasear por tu blog y llenar de belleza mis pupilas. Me alegra mucho saber que tu estadia por mi ciudad fue agradable, el cerro de la silla es el simbolo y orgullo de Monterrey, respecto al hotel, quiza fue en Fundidora......Te dejo un beso, cuidate mucho. Un placer estar aqui.

Duarte dijo...

Poetiza,
gracias por la apreciación que haces de mi trabajo.
Cuanto a tu tierra me vine prendado de México, del encanto de sus ciudades, de la belleza de sus mujeres y, sobre todo, de la amabilidad de sus gentes. No me he sentido desplazado en ningún momento. Quiero volver.
Besos de buena amistad

andorinha dijo...

O Porto é uma cidade maravilhosa. Vista pelos teus olhos, ainda mais.

Feliz Natal, Duarte.
Um beijo e obrigada pelo carinho de todos os teus comentários.

Duarte dijo...

Andorinha,
sei que imigraste mas também estou convencido que voltarás para deleitar-me com os teus trinos, e voos caprichosos: um prazer na contemplação.
Foste tu, sois vós, que me empurrais nesta bela aventura.
Tu foste quem me inspirou aquilo que dizes. O que a ti foi dirigido, foi fruto da tua sensibilidade e inspiração.

Sim, o nosso Porto é uma linda cidade, única!

Para ti também um Feliz Natal, um lindo Natal, que sejas imensamente feliz.

Um chi coração

tulipa dijo...

Mais uma vez ADOREI ver o Porto através dos teus olhos.

Beijinhos e abraços.

tulipa dijo...

Que o Natal,
em lugar de ser apenas uma data,
seja um estado de espírito
a nos orientar a vida, permanentemente.
Os meus votos para ti e familiares de que este Natal traga alegria, paz e muita felicidade para todos os dias do Ano Novo.
Beijinhos

NOTA: este ano, nos meus 2 blogues, apresento 2 árvores de Natal (pinheiros) bem originais.
Convido-te a ornamentá-los com aquilo que achares que lá fica bem...pode ser bolinhas, fitinhas, palavrinhas e até pensamentos.
Podem ser:
emoções,
sentimentos,
abraços
e outros miminhos.
Eu agradeço!!!

Duarte dijo...

Tulipa,
já estou a preparar a última entrega, desta entrega à minha terra.
Espero que continue a ser do teu agrado.
Um forte abraço

Duarte dijo...

Tulipa,
claro que sim, passarei e ajudo-te a montar essa árvore tão representativa.
Desejo-te o melhor, em paz e harmonia.
Felizes Festas.
Beijinhos

São dijo...

Comovida, agradeço as tuas belas palavras1

Meu Amigo, venho desejar-te e aos teus um Natal com belas surpresas e muito amor assim como um 2010 bem melhor do que 2009!

Deduzo que o passarás no Porto e fico contente por teres essa alegria ; que tudo corra como desejas!

Um forte abraço de estima.

Duarte dijo...

São,
mereces tudo isso e muito mais.
Acertaste, a minha irmã e os meus netos, sobre tudo, impulsam-me a isso... sou feliz assim, mas cada dia suporto menos a humidade do meu Porto.
Desejo-te um bom Natal, e sempre o melhor pela vida fora.
Um abraço pleno de afecto

Rodolfo N dijo...

Sigo la senda de tu crónica placentera por las tierras del ensueño.
Siempre gratísimo leerte y disfrutar tus retratos fotográficos.

Un fuerte abrazoy mis mejores deseos de paz y felicidad para estas fiestas,mi amigo!

Duarte dijo...

Rodolfo N,
como ya comenté más arriba, era una de mis asignaturas pendientes. Mañana la daré por concluida.
Agrada, y viniendo de ti mucho más, saber que mi esfuerzo recibe la compensación en vuestras retinas.
Felices Fiestas para ti y para los tuyos.
Recibe un fuete abrazo y mi admiración

Brancamar dijo...

Duarte,

Venho desejar-te um Santo e Feliz Natal e que ele nos traga a consciência para a construção de dias felizes no resto da nossa vida e na construção de um Planeta diferente para os nossos filhos.
Natal devia ser sobretudo um tempo de meditação e não de consumismo desenfreado, o que aliena ainda mais o homem.
Beijinhos.
Branca

María dijo...

Amigo, Duarte:

Antes de que te vayas mañana de viaje, he querido pasarme por aquí para desearte unas felices fiestas navideñas, que disfrutes de toda tu familia, con mucho amor, y paz, y que el nuevo año te sea generoso en todos los aspectos.

Un beso, feliz viaje y felices días.

Duarte dijo...

Branca,
estou totalmente de acordo contigo. Mas, pelo menos, movem ao pessoal: detesto a hipocrisia.
A quem mais interessa esta montagem é ao comercio que mesmo em época de crise seguem forrando-se.
Boas festas e um forte abraço

Duarte dijo...

María,
gracias, querida amiga, como ya te dije, Felices Fiestas.
Recibe todo mi afecto y un fuerte abrazo

Arabica dijo...

Duarte

pois venho desejar-te umas Festas Felizes, pelo maior número de tempo possível (por exemplo, anos e anos), com tudo o que mais desejares, desde a companhia dos teus familiares queridos à presença dos teus amigos de sempre.
Que todos os doces te caiam bem :) mas não abuses :) que todos os presentes te tragam um sorriso ao rosto e um calor especial ao coração. Que as estrelas brilhem.
Um abraço com toda a minha amizade.

Dois Rios dijo...

Querido amigo,

Deixei escrito lá no blog mas, em outras palavras, quero agradecer a tua sempre delicada e suave presença nos meus rios. Espero que permaneçamos juntos à exemplo do ano que ora finda. És uma ausência deveras presente e confesso que sinto-me amplamente acompanhada quando me acaricias com as tuas palavras.

A propósito gostaria de corrigir um errinho de digitação no comentario anterior. Digitei "paseei" ao invés de passeei", ou seja, escapou-me um "s", rss...

Um terno abraço,
Inês

Duarte dijo...

Arábica,
palavras sábias as tuas, plenas de encanto e bons sabores, que espero aproveitar. Sensibilizaste-me! Aliás como sempre.
É tudo o que desejo para ti, sempre o melhor, por isso es uma boa amiga.
Boas Festas... já falámos!...
Abraço-te com amizade

Duarte dijo...

Inês,
no meu caso concreto com isso não te preocupes, estou convencido de que cometo muitos mais erros. Ademais com o parecido do espanhol ainda o noto menos e, neste caso, é só com um "s".
Recebe um forte e cálido abraço

Maria Clarinda dijo...

só há uma palavra...excelente!!!!
Jinhos mil