viernes, 15 de febrero de 2019

PORTUGAL DOS PEQUENINOS



O Portugal dos Pequenitos está situado na cidade de Coimbra. Foi inaugurado a 8 de junho de 1940. É um parque lúdico-pedagógico destinado essencialmente à Criança.
É obra do arquiteto Cassiano Branco, e integra desde 1959 o património da Fundação Bissaya Barreto. 
É um parque temático que recorre a história da arquitetura portuguesa com representações a escala. 
Para além de ser um espaço de aproximação de culturas e de cruzamento entre povos, é também uma mostra qualificada da arte escultórica e arquitetónica que, ainda hoje, atrai a crianças, jovens e adultos.



Áreas Temáticas

Portugal Monumental
Espaço ilustrativo dos principais monumentos do país, dando-se maior destaque ao núcleo de Lisboa, situado no centro desta área. Forma este conjunto os monumentos das regiões do Minho, Trás-os-Montes, Douro, Beiras, Ribatejo, Alentejo e Algarve.













A salientar, a réplica da janela do Convento de Cristo em Tomar, obra em cantaria da autoria de Valentim de Azevedo.

Países de Expressão Portuguesa
Representação etnográfica e monumental dos atuais países africanos de Língua Oficial Portuguesa, do Brasil, de Macau, da Índia e de Timor. Engloba os Países de Expressão Portuguesa. Também os monumentos principais das Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores.












Coimbra
Existe um núcleo dedicado a Coimbra, com a representação dos principais monumentos da cidade, nomeadamente da sua Universidade.


Casas Regionais
Uma excelente representação fidedigna das casas tradicionais de Norte a Sul de Portugal. Devido à escala, reduzida, e às particularidades de cada casa, este é, sem dúvida, o espaço mais atrativo para as crianças.










E foi também ali que colhi esta flor para ti... não podia ser outra...


Horário de Abertura

 

De 01 de janeiro a 28/29 de fevereiro e de 16 de outubro a 31 de dezembro  das 10.00h às 17.00h
De 01 de março a 31 de maio e de 16 de setembro a 15 de outubro das 10.00h às 19.00h
De 01 de junho a 15 de setembro das 09.00h às 20.00h
Bilheteiras encerram 30 minutos antes do fecho
Encerrado no dia 25 de dezembro

jueves, 31 de enero de 2019

CONÍMBRIGA


Povoado que foi ocupado pelas tropas romanas em 139 a. C., tornando-se então uma próspera capital da província da Lusitânia. Mas foi no governo do Imperador Augusto, um século mais tarde que a cidade cresceu urbanisticamente. A destacar desta época a construção de estruturas fundamentais para a convivência do quotidiano duma urbe romana, como o forum, o anfiteatro e as termas. Posteriormente foi edificada una basílica no centro da povoação.







Mas foi nos últimos anos do século I que a arquitectura doméstica se desenvolveu favoravelmente, e no início do século III faz-se notável pela edificação de insulae e de sumptuosas domus. Que acabam por gravar na pedra as memórias do esplendor doutros tempos.





A Casa dos Repuxos é um deleite pelo belo jardim central, que preserva a estrutura hidráulica original com mais de quinhentos repuxos, rodeado por um magnífico conjunto de mosaicos figurativos com cenas de caça, passagens mitológicas, as estações do ano, monstros, aves e animais marinhos. 














A destacar a casa de Cantaber, a maior da cidade, a da Cruz Suástica, com os seus mosaicos geométricos, a do Tridente e da Espada ou a dos Esqueletos. 








Com a visita ao Museu acabei por potenciar aquele esplendor de então.  Através de objectos encontrados ao longo dos muitos anos de escavações, os vários espaços evocam a vida quotidiana da antiga cidade romana, a vivência da religião, a arquitectura das casas nobres e a sua decoração, e ainda a vida no forum.























Também por lá colhi esta flor para ti...


Horário
Museu e ruínas
Diariamente: 10:00 – 19:00
Encerramento
1 de janeiro, domingo de Páscoa, 1 de Maio e 25 de Dezembro