martes, 5 de abril de 2016

VENEZA



Como bem diz a velha frase do filosofo chinês Confúcio: uma imagem vale mais que mil palavras.
Por isso aqui vos deixo umas quantas imagens, sem palavras, pois falam por si sós, e que selecionei para vós.





























Se foi do teu agrado voltarei com mais detalhes de tudo isto.


Também colhi flores para TI


32 comentarios:

Maria Rodrigues dijo...

Foi tão bom relembrar Veneza, é linda!
Magnificas fotografias.
Beijinhos
Maria

Luis Coelho dijo...

Quando vejo ruas feitas lagoas recordo a beleza de Veneza.
E como se não bastasse, tem ainda as mais belas construções.

Em Fevereiro perdemos um cruzeiro a estas paragens.

Sara dijo...

A ver si algún día y antes de que se nos hunda puedo conocer in situ esa maravilla...felicidades por tan magnífico reportaje, fotos extraordinarias.
Mi abrazotedecisivo, bien fuertote.

Duarte dijo...

Maria,
por isso repetimos, porque possui esse encanto que tanto atrai.
Está algo degradada, mas não perde a sua beleza.
Beijinhos, querida amiga.

Lita Duarte dijo...

As viagens são descobertas...
E como é bom poder viajar através das imagens.:)

Besos.

Duarte dijo...

Luís,
na próxima não deixes escapar a oportunidade. Sei que neste caso foi por razões bem lógicas.
Mas o cruzeiro não serve, fica fora da Veneza linda para ver, a não ser que seja para uma estadia prolongada. Entre canais, pontes, escadarias e casas semi-submergidas está a verdadeira beleza.
Seria bom que nos encontrássemos por ali!...

Elvira Carvalho dijo...

E falam mesmo. Que maravilha.
Grata pela partilha que me permitiu um incrível passeio ainda que virtual.
Um abraço e bom fim de semana

Duarte dijo...

Sara,
En algunas casas el agua entra sin que suba la marea, y están abandonadas. El abandono, en alguno de los casos, es considerable, pero descuida que no se hundirá. Algunas viviendas han sido rehabilitadas, sobre todo Hoteles, elevando la base del suelo y con acceso para los barcos, sobre todo góndolas y taxis.
Aun llegarás a tiempo!
Abrazos de vida

Majo dijo...

~~~
Sempre linda e surpreendente, a idosa Veneza.

Tens fotos originais e muito surpreendentes...

Não me canso - tornar a visioná-la é recordá-la.

Muito grata pelo mimo gentil das flores primaveris.

~~~ Beijinho amigo. ~~~

Everdina Kleeb- van Dongen dijo...

Que vistas muy personales tienes en este reportaje. Te estás superando. Me encanta este reportaje. Como se nota que la luminosidad de Venecia es distinto a la de Noruega y como te gustan los contrastes de luz sea de noche o de día.
Son preciosas como siempre o mejor. Algunos serían muy bonitas como para pintarlas después. Espero disfrutar aún muchas veces de tus viajes sabiendo que tu lo has pasado muy bien y yo conozco los sitios mejor . Ciao, hasta el próximo artículo. Beijihnos Diny.

Maria Rodrigues dijo...

Meu amigo hoje venho especialmente pois recebi um prémio que circula na net e venho partilhá-lo consigo. A importância não está no prémio em si, mas sim no que ele representa, a criatividade, imaginação, inspiração, bem como as horas e dedicação que cada um, dedica aos seus blogues deixando neles um pouco de si.
Provavelmente já recebeu de outros amigos esta recomendação, mas fica também aqui o meu reconhecimento pelo mérito do seu blogue.
Um grande abraço
Maria

Duarte dijo...

Lita,
como os grandes venezianos de então, meti-me por canais e pontes feitos com escadas para descubrir, e descobri, que poderás ver em portagens posteriores.
Obrigado com beijinhos

Duarte dijo...

Elvira,
são tantos os matizes que em cada esquina outro canal e outra ponte. Isto engancha e obriga a ir um pouco mais na descoberta. Vim positivo e com a pergunta, porque chamamos à nossa Linda cidade de Aveiro a Veneza de Portugal? Não tem nada que ver.
Beijinhos e uma boa semana

Duarte dijo...

Majo,
fui à procura de algo que nunca tinha visto e desta vez penetrei nela e, entre canais e dezenas de pontes, ou mais do que isso, descobri muitas coisas que irei divulgando. O Fénix, foi por constância, pois no dia anterior não o encontrei, fiquei maravilhado!
Eu, sempre detrás das flores, poucas, mas encontrei.
Abraços de vida

Lena dijo...

Belas fotos duma viagem a fazer uma vez na vida; ja la estive e tinha adorado..
a Italia é um pais fantastico....

Beijinhos meu querido amigo Duarte...

Duarte dijo...

Diny,
Esta es una visión general, de conjunto, en esta oportunidad peiné Venecia a peine fino y nos metimos por todos los rincones, lo que vas a poder apreciar muy oportunamente. Sé que te va gustar!
Abrazos de vida, querida amiga.

Graça Sampaio dijo...

Que maravilha!! O que eu gostava de ver tudo isto ao vivo! Apesar de as fotos serem (sempre) excelentes...

Obrigada pela prenda...

Besitos

Duarte dijo...

Maria,
Já por lá andei e expressei os meus sentires.
Obrigado.
Parabéns!!!
Beijinhos

rendadebilros dijo...

Grande viagem, grandes fotos! Bem haja pelas flores! Abraço (Por aqui, chove, chove e chove).

tulipa dijo...


OLÁ DUARTE

Pois não sei se concordo a 100% com
a velha frase do filosofo chinês Confúcio:
uma imagem vale mais que mil palavras.

É sempre discutível essa ideia.

Neste caso, eu conheço Veneza,
já lá estive 2 vezes e todas as imagens são familiares,
mas fico a pensar naqueles que nunca lá foram
e ficam sem saber o que algumas imagens representam,
como por exemplo a famosa e BELA PONTE DOS SUSPIROS.

Obrigado pela partilha.
Foi tão bom relembrar Veneza, é linda!
Parabéns pelas magnificas fotografias.

Também acabei de chegar de ITÁLIA
mas não dessa região
e como sempre, venho positiva, cheia de felicidade.

Concordo contigo:
porque chamamos à nossa cidade de Aveiro a Veneza de Portugal?
Não tem nada que ver.

Caso queira visitar
http://pensamentosimagens.blogspot.pt/
onde
a 2 dias do meu aniversário
decidi agarrar em imagens minhas,
momentos que vivi recentemente
para mostrar a mim mesma
e aos outros,
que é assim que eu gosto de VIVER ... intensamente!

ADORO CLARICE LISPECTOR quando escreve:
Renda-se, como eu me rendi.
Mergulhe no que você não conhece como eu mergulhei.
Não se preocupe em entender,
viver ultrapassa qualquer entendimento!

Beijinhos

Justine dijo...

Saudades de Veneza! E com estas fotos excelentes, ainda MAIS saudades de Veneza! Não conheço cidade mais bela nem tão especial...

Duarte dijo...

Lena,
conhecia, mas só agora o fiz em profundidade e fiquei entristecido: aquilo afunda-se pouco a pouco. Por um lado o encanto duma cidade única, por outro o desespero de ver tudo a cair. Irei dando mais detalhes com promenores fotográficos.
Beijinhos, minha querida amiga

Duarte dijo...

Graça,
sim, impressiona, mas deixa um algo de tristeza, pelo grau de degradação no qual está. Aquilo como na época do Rei Sebastião, que parece que por lá andou, tinha que ser maravilhoso.
Abraços de vida

rosa-branca dijo...

Amigo Duarte, fiquei maravilhada com tão belas fotos. Palavras não são precisaa quando a beleza nos deixa extasiados. Adorava ir à Veneza e ouvir ao vivo Andrea Bocelli. Boa semana e beijos com carinho

São dijo...

Fotos belíssimas de uma cidade única, onde regressarei este Verão - se Deus quiser.

Abraço estreito com votos de feliz semana, meu querido amigo.

Duarte dijo...

Rendadebilros,
é o que nos falta aqui, chuva!
Obrigado pelas tuas apreciações.
Abraço

Mariazita dijo...

Veneza, a bela Veneza! Que saudades!
Acreditas que valsei na Praça de São Marcos, ao entardecer, quando os conjuntos musicais começam a actuar debaixo das arcadas? Tenho fotos que o comprovam...
Se o tempo pudesse voltar para trás...

São lindas, as tuas fotos. E não faltaram as flores... Podes mostrar mais, sim!

Desejo uma semana muito feliz.
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

Duarte dijo...

Tulipa,
esse é o lema, vive e sê feliz, o demais não importa.
Veneza, é única, como o são muitas outras cidades, o que sim tem são coisas que a fazem diferente, que a fazem destacar.
Irei mostrando facetas Dela, para que degustei o que por lá já passastes..
Desta fez pude ver mais e. obviamente, fotografar mais.
Que venham muitos aniversarios mais e com muita saudinha
Abraços

Duarte dijo...

Zé,
sim, tem um lago de especial, entre o belo e o degradado, que a faz especial. Também que não há carros, nem nada que se mova com quatro rodas, nem com sua vi.
Beijinhos

Duarte dijo...

Rosa Branca,
que coincidam é difícil, mas podes escutar a Andrea Bocelli em Madrid no dia 29 de Junho, na homenagem a Placido Domingo, ali estarei eu, também me agrada a sua arte de bem cantar.
Obrigado com beijinhos

Duarte dijo...

São,
vamos aproximando-nos, mas continuamos sem coincidir.
Já me contarás.
Besos, querida amiga

Duarte dijo...

Mariazita,
sei disso, mas também tem o seu encanto.
Agora já tocam música quase todo o día e em diferentes pontos da praça.
Obrigado com um grande abraço